segunda-feira, 18 de junho de 2012

Sujeito a trovoadas


trovoadas



SUJEITO A TROVOADAS
( Anne Lieri)


O tempo anda bem doidão
E sujeito a trovoadas...
Mas não fique triste, não!
É só uma temporada!



Enquanto no sul, trovão...
Lá no norte é só trovinha...
Sem chuva lá no sertão,
Por aqui, só cai chuvinha!


                                 
       É guarda chuva, botina,  
É capa, blusa, blusão,
Carro parado... buzina,
Que tremenda confusão!




No sertão o povo sofre
Sem água nem prá beber,
Tem gente que guarda em cofre
Uma gota prá viver!




Mas brasileiro é tinhoso
Povo forte, batalhador,
Pode ser tempestuoso
Mas é feliz, sim senhor!




Uma semana bem coloridinha prá todos voces, faça chuva ou faça sol!

Beijos da Anne!

25 comentários:

Friends Forever disse...

Que gracinha de poesia!Uma linda semana beijos.
Amara

Friends Forever disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Friends Forever disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
✿ chica disse...

Lindo!!Com sol, chuva, frio, calor, vamos sempre em frente! beijos,chica

Rô... disse...

oi Anne,

o que importa realmente é a temperatura
do coração,
e está deve estar sempre quentinha...

beijinhos

Vivian disse...

Bom dia,Anne!!!

Que lindos versinhos!!A imagem foi aprovada pela sua sócia!rsrsr
Ela adora a turma da Mônica!rs
Beijos!!
Ótima semana!!

Bergilde disse...

É isso Anne,
Aqui está nublado,mas no meu coração,porém venho te visitar deixando um carinhoso abraço e desejando que mais sois possam nos aquecer a todos sem distinção!

ValériaC disse...

Lindo seu poema Anne... uma semana super feliz pra ti amiga, faça o tempo que for...beijos
Valéria

Célia Rangel disse...

Realmente... o brasileiro não desiste nunca! Sabe esperar por dias melhores!
Bj. Célia.

lucidreira disse...

Pois é, o tempo realmente deixa o nosso país em pavorosas com a sua imensidão, de um lado muita chuva e trovões e do outro a seca que assola nosso nordeste, daí até os preços dos nossos produtos juninos estão de tirar o olho da cara.
Parabéns de novo.
Abraço

Tunin disse...

Eta poema verdadeiro! Eu como bom nordestino bem sei o que é seca. Nasci no sertão e por lá nunca chove.O sol queima a pele do sertanejo com prazer.
Aplausos, Anne!
Abração.

Marlene disse...

bom dia Anne que linas trovinhas
é amiga a chuvinha anda mal destribuida como tudo nesta vida ums com tanto outros sem nada
quem dera o nosso povo foce mais organizado cuidando da natureza
caprichando mais no cuidado
com o lixo e a beleza que por deus
foi presenteado,no plantio de arvores e flores,no carinho com as crianças
mas devemor ter conosco sempre junto a esperança.
um abraç boa semana bjs marlene

Dolce Vita disse...

Que encanto, Anne! Uma ótima semana! Beijos querida

Smareis disse...

Muito bela Anne.
Gostei desse sujeito atrovoadas.

Beijos!

João Felipe disse...

Chuva e boa quendo nao é muito

respondeno: 22 de juNHo
beijos

*Escritora de Artes* disse...

Um encanto seus escritos...

Obrigada pela visita

Por aqui fico!

Saudações

Luna Di Primo disse...

belíssimos Anne bjuuu

Mamãezinha disse...

Anne! Aqui de vez em quando cai uma chuvinha e o frio aumenta.

Sua poesia da gotinha caiu feito uma luva nas fotos da Laura! Bom demais ter amiga poeta! Muito obrigada pela gentileza de ceder a Gotinha Legal para o passear mais pela blogosfera!

Beijos!

Élys disse...

Com Sol ou com chuva, a sua poesia é sempre encantadora.
Uma ótima semana. Beijos.
Élys.

Lidi Horácio disse...

Adoreiii

Beijos :*
Boa Semaninha ")

PEPI disse...

Querida Anne,
Muito lindos os seus versinhos
Desejamos a você também, uma semana bem colorida, quer chova ou faça sol
Beijinhos afetuosos de
Verena e Bichinhos

Maria Alice Cerqueira disse...

Ola querida Anne
Vim te desejar uma linda semana!
abraço amigo
com carinho
Alice

Evanir disse...

Boa Noite Amiga Querida.
Me perdoe a demora em visitar seu blog minha vida é uma baita correria.
espero que de certo a nova faxineira estou só no pó amiga.
Seu poema além de lindo é a realidade dos nossos dias.
Um lugar com muita chuva outro uma seca que racha o chão.
Uma feliz semana beijos sua amiga sempre.
Evanir.

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite!
Tudo bem?
versos que me encantam, pela simplicidade e suavidade...
o brasileiro, de norte à sul, com chuva ou sol, não fica perdido ou passa noites em claro tentando ser alguém que se sonha, quando na verdade, sempre será majestoso no momento que nada irá esperar!
Obrigado pelo carinho da visita!
Boa semana!
Beijos

Toninhobira disse...

A diversidade latente amiga, numa linda poesia.
Meu abraço.
Bjo.

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...