terça-feira, 25 de outubro de 2011

Do galho daquela árvore

ler



DO GALHO DAQUELA ÁRVORE
( Anne Lieri)


Do galho daquela árvore
Colhi um livro pra ler!
A árvore me deu a sombra,
Para sonhar e aprender!


Dali, saí para o mundo
De carona nas palavras!
Voei feito passarinho,
E nem precisei de asas!


Na história me encantei,
Vivendo cada momento!
Conto de criança, eu sei
Não tem acorrentamento!


Fui navegando nos mares
Das águas doces das letras!
Imaginando lugares,
Sonhos, jardins, borboletas!


                             E não venha falar                                  Que isso é só fantasia!
Criança pode voar,
Quando sente uma alegria!

18 comentários:

Meire disse...

Anne, minha querida, que saudades desse cantinho.

Esse meu lado criança não morre nunquinha, eu quero mais é voar nas páginas dos livros que eu amooo!!!

Linda semana pra ti Menina que voa no meu coração de melão.
bjokitas mil.

✿ chica disse...

Pode e DEVE voar!!e tu voas sempre lindamente!!!beijos,tudo de bom,chica

Helena Chiarello disse...

E como são maravilhosos esses voos!!

Anne, que delícia esse poema! Que sabedoria doce e gostosa!

Sempre uma alegria de criança entra no coração da gente ao ler você!

Um beijo gigante, menina voadora!

Élys disse...

É sempre possível voar feito um passarinho. O pensamento tem asas.
Beijos.

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida Anne
Que adorável poema!
Embora seja grandinha e não possa subir esta ou em outra arvore para um livro encontrar e ler, mas posso junto com esta criança voar pelo mundo magico das palavras e até ao ceu chegar.
pois é muito bom sonhar de olhos abertos, e ver a cor da nossa felicidade que ´se tornará realidade.
Tenha uma linda semana coberta de muita Paz e Amor!
Bjsssssssssss
Alice

Bixudipé disse...

Anne, minha querida, como é certeza de boa leitura vir ao seu blogue!

Adorei; abração,

Rodrigo Davel

Celina Dutra disse...

Anne, minha querida,

Isto "saí para o mundo
De carona nas palavras!" é, tenho certeza, autobiográfico!
Girassóis nos seus dias. beijos.

ValériaC disse...

Que meigo poema minha querida... absolutamente encantador...
Beijinhos...
Valéria

claudiaymarques disse...

Anne como é bom voar como passarinho..voar em pensamentos...voando a gente pensa que tudo pode...a realidade vai embora e a gente viaja um pouco no mundo dos sonhos..
que poesia linda..
beijinhos..boa noite
titi

Luma Rosa disse...

Voa, menininha! Voa na fantasia das palavras, vai buscar outras paragens!
Voa feito borboleta, livre e solta. Trás do alto da árvore uma linda história encantada!!
Beijuzinhos saltitantes em tu, menina voadora!!

Célia disse...

Nossa que lindo! Levou-me à minha infância que lia e estudava em árvores no meu enorme quintal... coisa que hoje, nossas crianças não sabem o que é...
Abraço da Célia.

Sonhadora disse...

Minha querida

O teu poema fez-me voltar a ter laços nos cabelos.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Luciana Mira disse...

Tão doce é passar por aqui :)

Sônia Silvino disse...

Quem diz que não gosta de ler, não sabe realmente o que está perdendo!!!
Beijos, lindaaaaaa!

Mamãe pela 2ª vez disse...

Anne to atrás de uma casa para comprar hoje fui visitar uma e lá tinha um pé de caju e duas mangueiras lembrei logo delas em seu poema.

bjus

Pepi disse...

Lindos versinhos, Tia Anne
Adoramos visitar a nossa amiguinha
"Menina Voadora"
Ela nos encanta e diverte, sempre
Muitos lambeijos e ronrons dos bichinhos
Pepi e Xixo

✿Palavras de Menina✿ disse...

é amiga ler faz bem realmente
em qualquer lugar....
que bom que gostou
do mimo e até postou minha mensagem rsrs, obrigada minha linda
você por retribuir tal
carinho
e parabéns também
pelo lindo mimos e
homenagens que ganhaste
abençoada noite bjão

Toninhobira disse...

Gosto de ler seus textos que mostram uma suavidade e sempre com mensagens maravilhosas.Este gosto pelos livros há de ser difundido por todos os cantos e campos.Ler é viajar.
Adorei amiga.
Abraços.

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...