segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Minha alma




Não preciso de holofotes, nem ficar em evidência

Preciso do meu silêncio, ouvir minha consciência...

Não quero rimas precisas, nem versos cheios de dor,

Quero a poesia livre seja do jeito que for.

Minha alma é bem antiga, já teve muito amargor,

Hoje é criança, é cantiga, tem o perfume de flor.

Não luto mais contra a morte, nem com o tempo que passa,

Minha briga é só comigo e venço tudo na raça.

Por trás da fragilidade de toda a delicadeza

Minha alma se levanta: é valente fortaleza.

E quando chegar a hora de voltar para meu ninho

Quero ter muito aprendido,

Voar feito passarinho!



15 comentários:

Célia Rangel disse...

Também... quero assim: - "voar feito passarinho e ser aconchegada em meu divino ninho"...
Poema delicado demais que nos encanta com a realidade da vida!
Abraço.

Calu B. disse...

Esta alma,
clara e segura,
é asa, é ventura,
alça e pousa firmeza,
dá sustento, dá certeza,
é abrigo, cobertor.

Alma com têmpera
reflete o íntimo,
revela Amor!

Por aqui a inspiração nos dá asas.
Bjo, Anne.
Calu

Ana Bailune disse...

Lindo!
O tempo passa, e mudam as prioridades.
Abraços!!! Feliz 2018.

✿ chica disse...

Que beleza,Anne! Quanto dito em poesia! Adorei! bjs praianos e obrigadão pelo carinho com a Neca! chica

Poesia do Bem disse...

Lindo versejar, e a gente vai lutando contra nós mesmos para nos tornarmos livres e felizes!

Toninho disse...

Este é o lindo papel da poesia Anne, uma mensagem a ser seguida e ou perseguida, viver e cantar, voar no infinito belamente e estar pronto para alçar o mais ousado voo e ficar em paz.
Belíssima inspiração em reflexão com poesia, isto é arte amiga.
Aplausos.
Carinhoso abraço Anne.
Bom sempre sorver de sua arte.
Semana linda para voce.

Lucia Silva disse...

Encantador esse poema, expressão maior em sensibilidade e inspiração.
Beijos afetuosos!

Valéria disse...

Uauuuuuu!!!! Aplausos!!!
Amei seus versos...
Bom demais te ler, amiga!!!
Que 2018, te seja abençoado, beijos,
Valéria

Maria Rodrigues disse...

Anne que lindo!!!
Que a nossa alma aprenda sim a voar livremente para o nosso eterno ninho.
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa noite querida amiga Anne
faz tanto tempo...
seu poema veio me falar ao coração.
obrigada por cada palavra.
feliz ano novo pra voce amiga.
Um grande abraço
com carinho Carinho.
Maria Alice

http://www.mariaalicecerqueira.com.br/voz-do-coracao/

Beatriz Bragança disse...

Querida Anne
Que belo poema, que nos incita a ser fortes e lutadoras!
Obrigada pela força transmitida em tão lindos versos!
Um beijinho
Beatriz

Maria Luiza disse...

Anne, coisa mais linda! Amei tua alma que revela a minha! Me encontrei, deveras! Abraço longo!

Roselia Bezerra disse...

Ola, querida amiga Anne!
Muito lindo seu planejamento para alçar voo sem reclamações...
Há que se aprender a viver!
Há que se querer partir... quando for a hora.
Seja muito feliz e abençoada em 2018!
Bjm de paz e bem

Evanir disse...

Querida Anne!..
Eu sinto muitas saudades dos tempos onde
o mundo era de uma dimensão aconchegante aos todos os corações.
Era simplicidade era alegria falo de mim e por mim
com o passar do tempo é tanta coisa
a me acontecer .
Eu não reclamo amiga querida foi um desabafo saudoso.
Deus abençoe vc amiga Anne beijos.
Evanir.

Toninho disse...

Oi Anne, como vai?
Hoje recebi pelo e-mail uma atualização do Asa do verso e Reverso, mas era de 2014.
Espero que esteja tudo bem com vocês.
Carinhoso abraço amiga.
Apareça.
Bjs de paz no coração.
A filha já formou né?

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...