sábado, 23 de fevereiro de 2013

Tricotar memórias



Tricotar memórias


(Anne Lieri)


tricotar



Vovó e suas histórias
Devagar a tricotar
Sempre com belas memórias
Ela tem pra nos contar.



Tricota uma carreira
Lãs macias, coloridas.
Essa amável fiandeira
É a amiga preferida.



Na cadeira de balanço
Sacode de lá pra cá
São contos de mamãe ganso
De saci e boitatá.



Em cada caso que escuto
Aprendo um pouco mais
É a semente de um fruto
Que vem de meus ancestrais.



No balanço da cadeira
Tricota  vovó a sorrir
Histórias de cabeceira
Para o netinho dormir!


Hoje estou também no blog:


Educação em foco


 dicas para trabalhar com frutas com as 


crianças.

17 comentários:

Bergilde disse...

Muito meiga sua poesia falando da vozinha que com amor ensina por meio destas histórias.
Abraços,bom fim de semana Anne!

Sandra Portugal disse...

Querida Anne hoje tem uma homenagem em forma de Selinho Literário para você lá no http://projetandopessoas.blogspot.com.br//. Espero que goste!
bj Sandra

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Anne
Acho que toda avó faz tricot, não é mesmo? Minha mãe tem 89 anos e até hoje faz coisas para os netos e bisneto.
Bom finde
Bjux

Gracita disse...

Quanta meiguice e ternura minha querida. E acho que vovó é um pouco assim afetuosa. Beijokinhas com ternura.

Sandra Subtil disse...

Bateu uma saudade da minha avó materna...dos seus abraços, das suas histórias, dos seus ensinamentos.
Grata, Anne! Beijinho

Célia Rangel disse...

Feliz,quem ainda pode desfrutar dessas memórias tricotáveis!!
Bjs. Célia.

♥ Nanda ♥ disse...

que rimas lindas
amiga amei
lindo fim de semana
bjs

http://palavrasdemenina2010.blogspot.com.br

Evanir disse...

Meu Anjo..
sempre que eu puder estarei juntinho de você.
Eu sei sou uma Indomável Sonhadora além de amar ser blogueira,
e acima de tudo o carinho que tenho
por você .
Hoje estou passando em todos os blogs que eu conseguir passar
sinto saudades de cada amiga(o) por isso estou fazendo o melhor que posso fazer.
Com o meu coração pesado de tristeza e angústia,
por não conseguir fazer tudo quanto gostaria .
Mesmo assim agradeço ao grande Pai Maior
ainda que do jeito mais humildade consegui vir até
seu blog para desejar um abençoado final de semana.
Um feliz Domingo.
Beijos paz e luz,,Evanir.

✿ chica disse...

Que amor essa vovó... Um doce de poesia! beijos,tudo de bom,chica( a vovó que não tricota mais,rss)

EDER RIBEIRO disse...

Encanta, Anne, com as msgs q passa em seus poemas. Bjos.

Nikita disse...

Que lindo!!...os avós tem muitas histórias lindas a nos contar.

Bjs, Néia

Pequeno Príncipe disse...

Anne,que poesia encantadora! Adoramos!!
A imagem é linda!
Com carinho
Pedro e Amara

Maria Rodrigues disse...

Anne que ternura de poema.
Bom domingo
Beijinhos
Maria

Renata Diniz disse...

Anne! Que maravilha de poesia! Me lembrou o livro do Ziraldo: Vovó Delícia!! Beijo e ótima semana!!

ONG ALERTA disse...

Como é gostoso ler tuas poesias, beijo Lisette.

Lilá(s) disse...

Sua poesia falando da avozinha tricotando me enterneceu. Que maravilha!
Bjs

Sônia Silvino (Crazy about Blogs) disse...

Amei essa vovó, amiga!
Beijocas!

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...