sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Pequena



PEQUENA
(Anne Lieri)

meninas

Quando pequena pensava que a cegonha trazia os bebês, que o coelhinho da Páscoa e o Papai Noel vinham pessoalmente trazer os ovinhos e presentes de Natal.

Acreditava que poderia voar se balançasse bem alto e que existia um Reino dos pássaros!

Quando brincava de escolinha minha sala de aula estava cheia de alunos e esse era o meu grande sonho de vida!...rss... (Cuidado com o que você deseja!...rss...).

Falar com flores, plantas, passarinhos, cães, gatos, bonecas, meu urso, Papai do céu era super normal!

No  primeiro dia de aula, meu pai me levou, me deixou na fila e foi embora. Eu tive medo que meus pais morressem nesse instante,mas não chorei,agüentei firme!

Era muito introvertida e a única vez que fiz uma travessura na escola cheguei em casa com seis pontos na testa!


Não achava justo ter coleguinhas que não podiam trazer lanche ou comprar um lápis. Doía meu coração.

Tinha certeza que se cavasse um buraco bem fundo chegaria ao Japão!

Quando me deitava ficava em silencio para ouvir o “barulho do mundo”.

Até hoje sou um pouco assim!





crianças



Desejo muitas felicidades a todas as crianças que 

passarem por aqui de 0 a 90 anos!


Beijos da menina voadora!

29 comentários:

Teresinha Ferreira disse...


Aterrizei por aqui para desejar para sua criança interior toda felicidade do mundo!
A sua fotinha no blog da Beth está linda!!
Estou curtindo cada postagem aqui no seu blog. Já estou "linkada".
Beijos mil

✿ chica disse...

Que lindo,Anne!!Que teu dia das crianças seja lindo!!Adorei também na Beth! beijos,chica

Priscila Ferreira disse...

Olá, vim conhecer seu blog! ;)
Adorei, bom feriado!! beijos

Arnoldo Pimentel disse...

Que bom que ainda és um pouco assim.Lindo poema.Beijos.

EDER RIBEIRO disse...

Anne, eu tb fui assim. Sempre permite os meu filhos acreditarem em td isso, apesar da convivência social na escolha lhe ensinar o contrário. Acho um erro tirar isso das crianças. Minha filha com onze anos, estava aos choros perto do aquário e eu perguntei o pq, ela soluçando me disse q um dos peixinhos estava morrendo e q era para eu salvá-lo. Que mundo é esse q nos tirar os sentimentos, a sermos duro? Qdo não sentimos a dor de uma vida q se tira é pq não sabemos dá valor a própria vida. Desculpa por o comentário se tornar um desabafo. Sei das injustiças q se comete com as crianças. Bjos, continua assim, crianças, o mundo ganha muito com isso. Bjos, bom feriado e bom finde.

Vivian Fernandes de Goes disse...

Bom dia,Anne!!

Ah!Querida, uma doçura de poesia!!!Tem pureza, tem verdade, todos os encantamentos infantis!!
Adorei!!!!
FELIZ DIA!!!!!!
Beijos!

EDER RIBEIRO disse...

a emoção me levou ao erro de digitação, onde se lê permite, leia-se permito; escolha, se lê escola; crianças, se lê criança.

Milton Kennedy disse...

Oi amiga Anne Lieri, feliz dia das crianças pra você também, rsrsrsrs.

Abçs e paz.

Célia Rangel disse...

Oi, Anne! Que linda criança é você!
Bj. Célia.

Clecia disse...

Olá! Estou vindo lá do blog da Beth! Achei sua foto alegre e divertida! Feliz Dia da Criança! Bjos!

Pepi, Xixo, Juja, Jujuba disse...

Querida Anne
Que doçura de versinhos, amiga
Parabéns para você, Letícia e suas crianças de quatro patas, Momo e Fadinha
Viva 12 de outubro!!
Beijinhos carinhosos de
Verena e Bichinhos

Silvia Masc disse...

Lindo poema, te vi na Beth, uma gracinha! bj

Catia Bosso disse...

LINDA ANNE

PASSANDO PRA DEIXAR UM BEIJINHO DE FELIZ DIA 12....



BJSMEUS*
CATITA

Beth/Lilás disse...

Linda menininha você foi e continua sendo. Obrigada pela participação nesta brincadeira gostosa de relembrarmos nossa criança interior.
beijos cariocas

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo Anne.

Todos ainda temos um lado de criança.

Feliz Dia das Crianças e Salve Nossa Senhora da Aparecida que Ela continue abençoando e iluminando toas as crianças desse mundo e a nós tb.

Saudades de vc e daqui.

beijooo.

Meiry Mel disse...

Oi querida, lembra q tinha falado q ia fazer um texto sobre menina voadora, então aproveitei q hoje é dia das crianças e fiz para minha anjinha. Ela é linda e merece todos os meu poemas mais intensos do fundo do meu coração, ela não anda sabe amiga, mas voa, corre sobe e dece, isso nos meus olhos olhos da alma, q ve o milagre de Deus na vidinha dela...bjos e obrigada pela inspiração.
P.S que texto lindo, como todos os outros.

Sandra Subtil disse...

Que saibamos sempre conservar a criança que vive em nós, ainda que por vezes adormecida.
Beijinho

manuela barroso disse...

Paraece que voa sou eu Anne, mas sempre aterro!
Mas a tua criança interior ainda existe em ti! Nota-se pela tua forma de abranger o mundo com o teu coração!
Sabes,a minha infância foi o melhor da vida. E doía-me ver as "outras" crianças tentando espreitar para o jardim...ah mas eu pedia autorização para brincarem comigo..Naquele tempo...
Hoje são pesoas lindasss que adoro!
Grande abraço Anne

Toninhobira disse...

Legal Anne estas lembranças com sua arte das palavras.
Um belo fim de semana.
Abraços.

Sandra Portugal disse...

Querida, a criança que existe em mim saúda a criança que existe em você!

Hoje estou muito feliz e vim compartilhar uma boa notícia!
Projetando Pessoas ficou nos TOP 100 finalistas do Prêmio TOP Blog!!!
Agora começou o 2o. Turno e dependo do voto das amigas para ganhar esse prêmio em sua Edição de 2012! Venha me visitar, clique no ìcone no Prêmio (no canto superior direito do blog) e vote com todos os seus emails, pelo facebook e twitter!
Agradeço muito seu incentivo até aqui!
bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com.br//

Sissym disse...

Anne,

Por muitos e muitos anos acreditei em tantas coisas.... com eu era inocente! E como tenho boas recordações por conta disso!

Sobre o Papai Noel, quando eu tinha uns 10 anos, junto com vizinhas, tentamos dar um flagra nele, mas o sono chegou primeiro para todas.

Beijos

Ana Miranda disse...

Ah, linda Menina voadora...

Que delícia de texto!!!

Quantas lembranças boas, muitas das quais compartilho, pois vivenciei da mesma maneira quando criança e igual a você, "continuo, até hoje, um pouco assim"...

Nunca tire seus óculos cor de rosa, viu?!

Beijocas bem melecadas de chocolate!!!

Renata Diniz disse...

Anne! E essas fantasias de criança são deliciosas, não?! Linda e emocionante poesia. Beijos e mais que lindo fim de semana!

BRISA disse...

Anne
Realmente é tão bom qdo acreditamos nessas coisas. Ai tudo fica sem graça porque viramos adulto rsrsrs.
Amiga
Nem todas as crianças no dia 12 vão receber presente mais vc pode doar um olhar de amor e uma palavra de carinho, transmitindo a esperança de que um dia todos terão a mesma oportunidade na vida. Um feliz feriadão repleto de alegrias e bençãos. E que Deus esteja te protegendo e te guardando sempre.
um beijinho.
Ana
COM CARINHO

Gracita disse...

Oi amiga
Dentro de cada um de nós temos guardadinha a criança que um dia fomos. Que bom que você deixa a sua criança aflorar, pois criança é tudo de bom. É carinho e carícia, é pureza e meiguice, criança é sinônimo de amor. Lindo poema e deliciosa homenagem.
Beijos com ternura
Gracita

Luciana Santa Rita disse...

Querida Anne,

Tudo bem? Sabia que só lendo os versos da menina voadora poderia me transportar para o mundo da criança que ainda mora em mim. Lindo!

Beijos.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Anne! Passando para apreciar mais uma das tuas belas criações e desejar um ótimo final de semana pra ti e para os teus.

Beijos,

Furtado.

Cozinha de Mulher disse...

Nossa amiga que texto mais lindo!!
A boba aqui está com olhos marejados rsr
Eu também era assim e me bateu uma saudade de quando eu estava apenas descobrindo o mundo..
Conversava muito com tudo o que estava a minha volta... todos eram meus amigos..
Dei aula para muitos ursos e bonecas, mas minha aluninha mais terrível era minha gata Naninha, por mais que eu tentasse fazê-la ficar sentada pra me ouvir ler os livros de histórias ela sempre dava um jeito de sair correndo.. e eu tinha que deixar meus alunos esperando até que conseguisse trazê-la de volta srrs
Também imaginava que se cavasse um buraco sairia no japão srrs

Eita que delícia amiga.. reviver esses momentos que de uma forma foram por demais importante em nossa infância né?

Seus textos sempre tão lindos, escreves de uma forma especial que nos enche o coração..
Um beijo carinhoso e um dia lindo pra você viu?
Sheila

D. Garcia disse...

Ser criança é acreditar que a felicidade é um lugar e nesse lugar mágico e colorido, todas as cores pintam o nosso coração de alegria.
Como é bom ser criança e acreditar!
Abraços. Daniel.

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...