terça-feira, 11 de setembro de 2012

O que é um poema?


poemas



O QUE É UM POEMA?
(Anne Lieri)



...mas o que é um poema?
Você sabe definir?
Tem segredo ou um sistema,
Ou basta apenas sentir?



Poema é brincadeira,
É momento de leveza,
Amor que sai na torneira,
É peixe na correnteza...



 Poema é nascer prá vida,
Chorando a plenos pulmões!
É ver a estrada perdida,
E sair aos tropeções!



Divertida aventura,
Colher palavras no ar,
Travessuras, gostosuras,
Jeito leve de voar!



Poema é abrir os braços,
Sentir carícia no vento,
É recolher os pedaços,
Ter nos versos um alento!



Poema não se define,
Nem se faz quando se quer,
Ele surge como um filme
De um cinema qualquer!

24 comentários:

Toninhobira disse...

Beleza de definições Anne.
Poema é este viajar nas emoçoes em meios às palavras que se encantam e criam vidas.
Meu terno abraço.
Bjo.

Rick disse...

Muito bonito e simples.
Disse tudo sem usar termos técnicos. E aquelas coisas que ninguém entende. Poema é poema, se não te faz sentir algo, talvez não seja um.

Bjws. Muito lindo.

Amara Mourige disse...

Anne,poema é isso pura emoção!!
Bjs
Amara

Giancarlo disse...

La poesia è emozione!!felice giornata a te...ciao

Ana Maria disse...

Anne, meu Anjo adoro ler o que você escreve, ao ler o seu poema hoje, como sempre sorri. Você tem uma maneira leve e incrível de voar!!!
Beijinhos de Luz!
Ana Maria

✿ chica disse...

Ele surge do nada e aparece.Ainda mais em ti, ele chega brilhante SEMPRE!! Lindo e não dá mesmo pra explicar como acontece, chega e pronto! beijos,chica

Elisa T. Campos disse...

Anne

Que delicada descrição de poema, leve e livre assim, voando e recolhendo pedaços sob a carícia do vento. Amei.

Obrigada por ter desbloqueado o link do Mozart.

Um lindo dia.

Majoli disse...

Se o poema surge como um filme
Aqui ele é assistido com alegria
Pois tu, amiga querida
Como poetisa, sempre irradia

Beijos com carinho mil.


Ana Paula disse...

Ah! Anne que encantador é um poema como este seu!
Um filme, um sentir em palavras.
Adorei
Beijos

Tina Bau Couto disse...

Lindo poema
Que não define e define poema
Basta sentir
Se vê ou se ouve ou imagina
É canto de passarinho
É folha seca no chão
É simplicidade e tb complicação
É um assoviar do coração

Arnoldo Pimentel disse...

Uma belas desccrição de poema.Parabéns.

EDER RIBEIRO disse...

Uma bela definição e vindo de alguém que tão bem sabe fazer um poema.
Anne, lhe convido para ler a segunda parte do meu conto, deixa suas impressões lá. Bjos.

Aleatoriamente disse...

Um poema minha linda,
acho que já vem em cores
Uma energia bonita facilita a direção.

Passeia pela saída do peito, porque vem do coração.
Desce o corpo chega aos dedos, está armada a alegria.
Deixa registrada assim, bela coreografia.

Poesia Anne querida,
deve ser bem de pouquinhos,
uma pitada de carinho, outra de luz no caminho.

A diferença é gigantesca , onde qualquer um habita.
Pois para escrever poesia tem de ter alma bonita.

E o mundo é um jardim, carregado de belezas
É Deus o maior poeta, ELE criou a natureza.Nela incluiu tudo que há.
Essa é a bela poesia.
Com Deus a comandar nossos dons a cada dia.

Anne amada, me inspirei na tua alegria poética, desculpa.
Amei teu poema.

Beijão linda.

pensandoemfamilia disse...

Belas definições,que nos levam a poetar neste espaço de levezas.
bjs

Sandra Subtil disse...

Adorei a tua definição!
Poema é sentir, é viver.
Beijinho

Pepi, Xixo, Juja, Jujuba disse...

A sua leveza ao escrever nos encanta, sempre
Lindos versinhos, Anne
Mil beijinhos e o nosso carinho
Verena e Bicinhos

João Felipe disse...

poema é a menina voadora
eu gosto do que vc escreve
beijo

Sissym disse...

Anne!

Lindo o seu poema! Leve!

Para mim é um jeito delicado de fazer sobre meus sentimentos e a visão que tenho de tudo que me cerca.

Beijocas

Tetê - Sem Neuras disse...

Não existe mesmo técnica que faça um poema! Eu falo por experiência própria: sempre quis escrever um poema, mas sou super crítica e na busca da perfeição sempre joguei fora vários esboços. A gente tem que se entregar aos sentimentos e deixar fluir. Acabei por descobrir minha veia poética nos haikais e agora preciso me livrar da auto crítica! Tarefa difícil! Bjks Tetê - Avaliando a Vida

Zilani Célia disse...

OI ANNE!
ADOREI ESTA DEFINIÇÃO RIMADA DE POEMA E CONCORDO, NÃO SAI QUANDO SE QUER, MAS, SÓ QUANDO É SENTIDO...
ABRÇS


zilanicelia.blogspot.com.br/
Click AQUI

Luciana Santa Rita disse...

Oi Anne,

Tudo bem? Quando se tenta definir um poema com artefatos ligústicos não se permite apreciar a leveza do sonho, como pontuasse divinamente.

Beijos.

Leninha disse...

E que no filme de sua vida, continuem a brotar palavras, a escorrer poesias e a enfeitar os nossos sonhos.

Bjsssss voadores,menina Anne,
Leninha

Milton Kennedy disse...

Oi amiga virtual Anne Lieri, adorei sua definição, captou direitinho!
Parabéns.

Abraços e paz interior.

Sônia Silvino (Crazy about Blogs) disse...

Por isso é sempre bom ter lápis e papel por perto. rsrsrs Quando vem a inspiração....
Beijo grande, minha ídola!

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...