quarta-feira, 2 de maio de 2012

Pisaram no meu calo


pé




PISARAM NO MEU CALO
( Anne Lieri)



Não imaginam, amigos
O que me aconteceu!
Alguém pisou no meu calo
Mas eu disse: não doeu!...



O que foi mais divertido
Foi minha situação
Sem resposta ao atrevido,
E aberto meu bocão!



Ai, ai, ai o meu calinho...
Que tomo tanto cuidado!
Não teve dó do pezinho
Fez o maior machucado!



Depois pensei: foi bem feito
Quem mandou eu me meter?
Sei que ninguém é perfeito,
Mas eu fiz por merecer!



E depois bem teimosinha
Quis sair da confusão!
Mas galo que entra em rinha,
Sempre leva bofetão!



 *Esta é uma obra de ficção, qualquer semelhança com a realidade pode ou não ser mera coincidência! ...   rsss  ... 

26 comentários:

Marcio JR disse...

rsrs. Moça, eu olhei lá na lista de blogs o título da postagem e pensei: PRONTO, MEXERAM COM A ANNE. QUE SERÁ QUE ACONTECEU?

E eu chego aqui, depois de passar lá no Cacá, e me deparo com uma poesia que me fez estremecer, pois to com um dito calo que não quer sarar... aff.

Minha querida amiga, abrigado por esse momento de descontração. Fantástico.

Ixe. To indo nos blogs antes da Chica? hehe. Pelo menos uma vez na vida eu chego antes que ela.

Bjs, Anne. Linda semana pra ti.

Marcio

Friends Forever disse...

Anne, tudo bem? Adorei a poesia muito divertida!!
Bjss
Amara

✿ chica disse...

rsssss....Imagino a cena!!!

Linda poesia pra uma baita dor de pisada nos calos.rsrs beijos,que inspiração a tua!!!rs chica

edumanes disse...

Imagino sim que estás a mentir
Pisaram no teu calo
E tu dor não estás a sentir
Tu é que me saíste um grande galo?

A mentir continuas
Até dizes que foi divertido
Imaginação tuas
Amigo eu te digo.

Ai, ai, ai, já dizes agora
Afinal o teu calinho doeu
Tem cuidado a qualquer hora
Quem te avisa sou eu.

Afinal tu fizeste para o merecer
Então agora não te deves queixar
O teu pezinho não te agradecer
Teimoso mentira sabe falar!

Boa quarta-feira pra você,
um beijo
Eduardo.

Maria Alice Cerqueira disse...

Bom dia querida Anne,
pisar no calo doi de mais rsrs
linda a sua poesia!
um grande abraço te desejando um dia muito feliz. coberto de muita paz e Amor!
meu carinho
Alice

♫*Isa Mar disse...

Bom dia amiga, passar por aqui logo cedo levanta qualquer astral, adoro!
Como eu disse á Chica, estou bastante ausente e sentindo muito por não poder visitar os amigos.
Chego a pensar em parar com os blogs, mas vou indo ainda mais um pouco, quem sabe logo as coisas se normalizam por aqui.
Beijos e lindo dia!

Su disse...

rsrs... adorei o seu humor, me fez rir e até refletir!!! Pode?

quem é que não leva uma pisada no calo de vez em quando... isso que dá ter um "olhar" mais "apurado"...rs

ficção ou não, muito, mas muito bom mesmo!

Beijos menina voadora!!!
Su.

Rô... disse...

oi Anne,

adorei a poesia,
e quantas vezes pisam mesmo no nosso calo?
e dói muito,né?
temos que cuidar...

beijinhos

Milton Kennedy disse...

Oi amiga Anne Lieri,
é uma metáfora, não? rsrsrsrsr
mas deu para sacar o lance.

Grande abraço, saúde e muita paz interior.

Gonçalo Assis disse...

Boa tarde minha linda , bem o seu poema será sempre actual. Quem na vida não teve já um calinho pisado e ainda por cima temos tantas vezes que engolir o assunto . Mais um excelente trabalho . Beijo com carinho

lucidreira disse...

Esse bordão é muito falado entre as pessoas que se sente ofendidas com a estupidez das outras.
O que acho é que você é uma clássica escritora do cotidiano com simplicidade e veracidade.
Abraço

Ana Carla de Jesus disse...

hahahah eu achei engraçado,isso já aconteceu muito comigo! beijos Anne.

Ana Carla de Jesus disse...

hahahah eu achei engraçado,isso já aconteceu muito comigo! beijos Anne.

Edilene disse...

Muito divertido! Acho que todo mundo ficou imaginando a cena!
Preciso colocar esses avisos de ficção/semelhança/coincidência nos meus rabiscos. Tem muita gente achando que estou apaixonada!

Beijos, e um lindo restinho de semana!

Mamãezinha disse...

Oi Anne! E não é mesmo, coincidência! Com muito humor e leveza você disse boas verdades. Adorei. Beijos!!!

Socorro Melo disse...

Olá, Anne!

Quem de nós, não teve o seu "calinho" pisado? rsrs
E sabe que é até bom que isso aconteça, vez em quando? Pois é, para que aprendamos a não ultrapassar os limites, né?
Uma senhora reflexão, viu!

Um grande abraço para a menina voadora
Socorro Melo

Misturação - Ana Karla disse...

Anne, essas pisadas no calo, sei não.
O poema é uma graça.
Xeros

Élys disse...

Vez por outra pisam em nosso calo, mas o que fazer?...Creio que o melhor é escrever uma poesia bem humorada como a sua.
Beijos

Kippy Marrie disse...

Olá Anne amiga querida...
gostei do "pisaram no meu calo", e a frase final... Da semelhança ser realidade e não mera coicidência"...
Rsrsrs. Muito legal.

Como foi de feriado, viajou?
Eu fui passear em Serra Negra que é muito legal, mas estava muuiiiitoooo frio e chuva.
Mas valeu, pois viajei com minha família e nos divertimos mesmo assim.
Bom.. é isso. Estou passando para dar oi aos meus amiguinhos.
Fica com o Papai do Céu.
Aus 1000 e Beijos 1000 com amor das amiguinhas...

KIPPY & LILLY

PEPI disse...

O que fizeram com você??
Espero que tudo se resolva da melhor forma posssível, Anne
Um beijo no seu coração e
Boa Sorte!!
Com carinho
Verena

Imac by Artes disse...

Quem não leva um pisada no calo de vez enquando?
Amo seu jeito leve e sério de fazer poesia...
Abraços! Fique bem amiga.

Aleatoriamente disse...

Risos...
Anne, este poema é sensacional.
A m e i!

Van disse...

hahha que poema divertido Anne,
a dor de um pisão no calo não deve ser divertida, mas você conseguiu dar a ela um tom alegre e lindo.

Beijos

SONINHA disse...

Como não se encantar com a tua criatividade, minha ídola?!
Beijocas!

Kellen Bittencourt disse...

Adorei, se é ficção eu não sei mas me identifiquei rsrsr bjoooss

soninha disse...

Sem falar nos calos simbólicos...rs.beijinhos

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...