domingo, 1 de maio de 2011

O passarinho dourado





O PASSARINHO DOURADO
( Mel Redi)

Faz muito tempo, muito tempo mesmo, em um pequeno vilarejo, ainda cercado por matas verdejantes, surgiu um misterioso pássaro dourado, cujo canto encantava a todas as pessoas.

Quem estava triste, desanimado, ao ouvir aquele canto sublime, ficava feliz novamente.

Era como um passe de mágica!!!  

Então, as pessoas se aproximavam da mata para se contagiarem com a alegria inexplicável trazida pelo belo canto.

Mas, as pessoas não queriam só ouvir o canto do pássaro, queriam tomá-lo só para si.

Foi assim, que todos começaram a armar arapucas para aprisionar o pequenino ser de asas.

Em todos os lugares próximos das matas havia alguém disposto a aprisioná-lo.

Num belo dia de sol, onde no céu não tinha uma nuvenzinha sequer, o pequenino pássaro dourado foi apanhado em uma arapuca.

O Homem que tinha conseguido prender o pobrezinho, gritou bem alto:

- Agora quem quiser ouvir o canto mágico vai ter que me pagar com moedas de ouro. Vou ficar rico !!!

As pessoas correram para ver o pássaro dourado na gaiola em que o Homem o colocara;  formavam fila, pagando dez moedas de ouro para poderem, assim, comprar o som mágico ...

- Que trazia a Alegria e Felicidade !

Mas, todos se surpreenderam...

O passarinho estava encolhidinho na gaiola, tremendo de medo das pessoas...
 -  Completamente Silencioso!

O Homem ganancioso dava umas palmadas na gaiola e berrava:

-        Cante pássaro! Está me dando prejuízo. Se não cantar logo, arrancarei suas penas.

O pobrezinho se encolhia mais ainda. Tremia muito ...
Seu coraçãozinho fibrilava de terror !!!

Vinícius, um menino corajoso, de alma pura e coração bondoso,  aproximou -se do Homem egoísta e disse:

- Já que o pássaro não quer mais cantar, faça seu preço. Eu o comprarei ! Tenho um saco cheinho de moedas de ouro.

Os olhos do " Homem " mau   brilharam como diamantes lapidados!

A ganância falou mais alto!... E ele aceitou vender o pobre pássaro ao menino.

Quando o Homem entregou a gaiola ao menino, este a carregou com todo carinho e a levou para casa.

Vinícius tratou o pássaro com bondade e amor, dando-lhe o aconchego da paz e tranqüilidade.

Não demorou muito, o passarinho recomeçou a cantar.

Os habitantes da vila e arredores, vibravam de alegria com aquele som angelical.

Mas ... Vinícius morria de dó ao ver o pássaro dourado aprisionado.

Acreditava que o pobrezinho cantasse mais por gratidão do que por vontade.

O que você faria se estivesse na situação de Vinícius?

Vinícius tomado de coragem e justiça, deixou de lado o apego que tinha pelo belo ser alado e soltou-o da gaiola .

- Voe belo pássaro dourado! Voe livre pelos ares e encontre a sua Alegria !!!

O pássaro voou pelo céu azul !!!
 Voou...voou...voou...

E... voltou a pousar no parapeito da janela  do  menino amigo.

Vinícius entendeu que era ali, ao lado dele, que o pequenino pássaro dourado tinha encontrado sua Alegria.

E , como acontece no final da maioria das estórias, os dois amigos foram felizes para sempre...

Para sempre e ... Mais um dia!!!



*** Esta é uma estorinha para crianças  de todas as idades. Que busquemos sempre o DESAPEGO!
Grande abraço, Maria Emília Redi



Esta é minha homenagem a grande amiga Mel Redi que foi para o céu esta semana e deixou uma grande saudade!

Mel...Para sempre e...Mais um dia em nossos corações!

12 comentários:

Sonhadora disse...

Minha querida

Uma história linda e ternurenta, adorei.

Beijinho com carinho
Sonhadora

lolipop disse...

Lindo, lindo, Anne!

Não sabe quanto essa história me tocou...

Mil beijinhossssssssssss

✿ chica disse...

Uma história linda da Mel...Adorei e lembro do dia em que publicou...beijos,saudades dela,heim??? Vamos ficar com seu sorriso!chica

Tunin disse...

Ternura pura, Anne! Linda Lembrança! Abração.

Aleatoriamente disse...

Lindo texto Anne.
Tenho certeza, que sua amiga, está contando estorinhas em um lugar pleno e belo.
E que ficará como tatuagem em cada amigo que dela se apegou.

Beijinho
Fernanda

Simone Martins2 disse...

Boa noite menina voadora...pense que agora la no ceu
Ela ganhou asinhas para poder voar
E la de cima, voando sempre
Uma menina voadora ira se tornar
Não será uma menina comum
Se tornara um anjo da guarda
Uma menina voadora, angelical
Voando sempre sobre as crianças
Ou para aqueles que dela precisar!

Desculpe-me, mas hoje estou muito emocionada...bjin

soniaconsult disse...

Tua amiga está a cantar alegre ao lado dos anjos com a tua homenagem.
Bjs

Su disse...

Anne, quanta ternura... linda homenagem para a sua amiga Mel... TEnho certeza que ela deve estar feliz em saber que era tão amada, e continuará sendo SEMPRE. O céu ganhou um poetisa... Beijos. Su.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

O bonito das palavras
é que elas sobrevivem a morte.
Assim quem parte, continua
a viver em nós,
nas lembranças,
nos textos e poemas,
na alegria do sentir
que a vida continua
de uma outra forma...

Que o amor esteja sempre
em ti

welze disse...

PARA SEMPRE E MAIS UM DIA, esse é o brinde que faço sempre que fazemos tim tim com copos. há anos falo isso. gosto , como gostei da história e de seu viveram para sempre, para sempre e mais um dia. boa semana

Bergilde Croce disse...

Anne,linda homenagem e bem disseram os comentaristas precedentes pois a obra permanece daquela que desse plano partiu.
Abraços,

Vivian disse...

Bom dia,Anne!!

Que história linda!Serve para todos!O apego é algo difícil de abandonar, precisa ser trabalhado todo dia...
Meus sentimentos pela sua amiga.
*Obrigada pelo carinho no meu aniversário!
Beijos.

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...